Banner superior
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Luso Bussaco, Trilhos que são já um conversar com Deus…

Numa organização da Associação Trilhos Luso Bussaco, com apoio do Municipio da Mealhada, Junta de Freguesia de Luso , A. A. A. e ATRP, será realizada, no dia 19 de maio de 2019, uma prova de Trail e uma caminhada com a denominação ” 2.º Trilhos Luso Bussaco “, certificadas pela ATRP.

Foto: José Moura

Associação Trilhos Luso Bussaco

A Associação Trilhos Luso Bussaco encontra-se filiada na Federação Portuguesa de Atletismo e na Associação Trail Run de Portugal, vocacionada para a participação em eventos relacionados com o atletismo e trail e para a organização de eventos da mesma área.

Foto: João Kabazuk

Têm como projectos o Trail ” Trilhos Luso Bussaco “, o Btt “Trilhos Luso Bussaco” e ainda a responsabilidade técnica nos eventos Trail pela Hipertensão Pulmonar e 3 Milhas da Mealhada, em parceria com o Municipio e Junta de Freguesia de Mealhada.

Foto: José Moura

Trilhos Luso Bussaco

O percurso é percorrido por trilhos da Serra do Bussaco e zonas limítrofes, com a extensão aproximada de 30 km para o Trail, 15 km para o Mini Trail e 10 km para a caminhada!

Foto: José Moura

Serra do Bussaco

A Mata Nacional do Buçaco, com 105 hectares e cerca de 5 km de perímetro, é Monumento Nacional desde 1943. Classificada por botânicos como um dos melhores arboretos da Europa e por poetas como o “altar da natureza”, tem no seu interior cerca de 700 espécies de árvores, exóticas e indígenas.

Ao percorrermos as suas veredas, em passeios pedonais, estaremos em plena floresta amazónica ou na Tasmânia, caminhado pelo Vale dos Fetos.

Foto: José Moura

História – “isto é já um conversar com Deus…”

Em 1630 a Ordem dos Carmelitas Descalços obteve autorização do Bispo de Coimbra para construir o seu convento na mata do Buçaco. Na sua primeira visita à Mata, a reacção dos Carmelitas foi de deslumbramento: “isto é já um conversar com Deus… porque se agora inculto, rude e tosco é o que admiramos, cultivado, será um paraíso terreal”.

A variedade de árvores, abundância de fontes, a beleza dos vales e montes, subjugou os Carmelitas, que iriam transformar o Buçaco numa paisagem sagrada.

Sitio oficial do evento.

Página do evento.

Inscrições.

Texto: Henrique Dias
Fotos: Cedidas pela organização

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta