Sentir Mais Monte Real correndo com a Exclusão

Monte Real

Mergulha na noite dos tempos a origem de Monte Real. Desde os tempos pré-históricos sempre despertou a maior cobiça, tanto pela riqueza do seu solo como pela sua situação privilegiada, assenta no alto duma colina
Fundada no Reguengo de Ulmar veio a chamar-se Póbra de Mô Real e Vila da Póvoa de Mon Real. Dos tempos em que tinha este último nome e a sua importância era grande, ainda restam, na parte mais alta da povoação, vestígios do antigo Paço Real, reduzido a uma construção restaurada, onde D. Dinis e a Rainha Santa Isabel terão habitado.

Monte Real invadido pelas Babatanas

Domingo, dia 5 de Junho de 2016, a vila de Monte Real recebeu a II Corrida de Barbatanas, querendo assim sensibilizar para a diferença e dificuldade de locomoção, associando sempre a vertente solidária.

Este ano, os fundos angariados reverteram para a Associação Portuguesa de Ciclismo Adaptado (APCA) com o intuito de os ajudar na participação dos Jogos Olímpicos 2016 e para o Centro de Bem Estar Infantil de Monte Real (CBEI) promovendo assim o desenvolvimento da solidariedade e da inclusão na infância.

Pela manhã, houve uma conferência com Atletas Paralímpicos, Telmo Pinão, presidente da APCA, e Carlos Ferreira.

Monte Real

Sentir a dificuldade de locomoção, ajudando no alerta a esta realidade

Cerca de duas centenas de participantes correram por esta causa, sentindo a dificuldade de locomoção, ajudando no alerta a esta realidade.

Apesar de todos serem vencedores por esta causa, premiamos em 1º adultos “Eletrocutados”, 2º adultos “Já foram”, 3º adultos “Infinity Sharks”, Mais Criativa “Mena Hair Designer”, Azarados “100 equipa”, Penúltimos “Sereias 100 cauda”, Melhor claque “Eu apoio maré todos!”, 1º crianças “Voando de barbatanas”, 2º crianças “Ninja go”, 3º crianças “Spick”.

Monte Real

Esta corrida causou impacto e diferença, valendo-se da sua criatividade e diversão ao longo do dia. Desde a atuação da Tuna Académica Isla de Leiria, Terapia do riso, karaté, zumba, concerto com a banda Achasfish, tasquinhas e bancas presentes, encheram este evento de animação.

E deixamos os testemunhos:

A APPT21, Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21 e o seu Centro de Desenvolvimento Infantil Diferenças, estão imensamente gratos pelo donativo que lhes foi feito, fato que registamos como demonstrativo de grande espírito de solidariedade e humanidade.
Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21 – Associação beneficiária da 1º Edição da Corrida de Barbatanas

A Corrida de Barbatanas foi um momento delicioso, explodiu a Criança que existe em mim, todos os dias! Foi um dia FELIZ, muito FELIZ! Genuinamente FELIZ! ADOREI!
Vbsimoes – Participante

Adorei a experiência, estou imensamente grato ao Projeto Sentir Mais Monte Real pois, o que ouvi e o que vivi neste evento, me dá mais forças para ultrapassar as adversidades do dia-a-dia.
Gastão Crespo – Participante

Os agradecimentos

Só temos de agradecer o sucesso deste evento a todos os intervenientes, patrocinadores, equipa de imagem pelo excelente apoio dado, não teria o mesmo brilho.

Na terra onde se pode Sentir Mais, deram de vocês a Barbatana que fez a diferença.”

Siga Sentir mais Monte Real aqui.

Visualize mais fotos do evento aqui

[divide icon=”circle” width=”medium”]

Texto: Teresa Coimbra
Fotos: Ângelo Bartolo

Parceiros

Deixe uma resposta